12/08/2012

As 7 diferenças entre chefe carrasco e chefe consciente

 

Chefe carrasco

Chefe consciente

Erros

Não aceita falhas, por menores que sejam, criando um clima de insegurança permanente entre os colaboradores

Entende que quem lava pratos, quebra pratos. Falhas ou erros devem ser evitados por meio de treinamento e definição de processos, porém podem acontecer

Feedback

Encara e trata como oportunidade para criticar os subordinados

Entende como oportunidade para elogiar os pontos positivos e apontar oportunidades de melhoria

Elogios e críticas

Critica erros em público. Elogios jamais faz pois em geral acredita que quando o funcionário acerta, não fez mais que sua obrigação. Também acha que elogio pode deixar o subordinado acomodado

Elogios são feitos em público e as críticas em particular

Treinamento

Um gasto desnecessário pois "pelo que pago espero que as pessoas já venham sabendo"

Encara como uma forma de manter a equipe atualizada e produtiva

Reuniões de alinhamento

Perda de tempo desnecessária, “temos mais o que fazer!”

Importante momento de alinhamento de expectativas entre o condutor e a equipe

Supervisão e orientação

Delega o treinamento de um novo funcionário a algum funcionário mais antigo, que explica o básico e depois o deixa por conta própria

Orienta sobre os objetivos da empresa, do departamento e da função. Mostra onde obter informações, treina e acompanha periodicamente a evolução

Motivação do ser humano

Pelo medo, no berro

Pelo compartilhamento de uma visão e engajamento

 Veja seleções abertas e notícias sobre desenvolvimento de carreiras no UOL Empregos. Clique aqui

Plano de carreira: bússola ou GPS?

Possuir um plano de carreira é muito importante para todo profissional. Porém não são todos que o possuem. Sair para trabalhar dia após dia sem um plano de médio e longo prazo é o mesmo que entrar no carro para ir à praia sem saber direito que estrada pegar, sair e dirigir a esmo acreditando que mais cedo ou mais tarde chegaremos ao destino desejado.



Um plano de carreira é construído tijolo a tijolo. Em linhas gerais, o plano de carreira deve começar com a definição do destino final. Onde gostaríamos e onde acreditamos que podemos chegar em nossa carreira. Quanto tempo isto deve levar. Em que tipos de empresa devemos trabalhar para obter as oportunidades e as experiências que nos ajudarão a chegar lá. Que tipo de embasamento acadêmico precisamos para robustecer nosso conhecimento e currículo. Quais nossos pontos positivos e quais nossas oportunidades de melhoria.

O ponto crucial neste plano é que uma parte dele está em nossas mãos, ao nosso alcance, como a escolha de cursos que fazemos para nos aperfeiçoar. Porém uma outra parte está nas mãos de terceiros no momento em que não podemos controlar com precisão as empresas em que queremos trabalhar, nem os cargos nem as promoções que queremos receber.

Portanto devemos planejar nossa carreira como se fosse um GPS, que nos dará ponto a ponto o caminho traçado, mas sabendo que durante o percurso haverá mudança de rota e imprevistos, o que fará que com que nossa carreira seja guiada por uma direção macro, mais como a orientação de uma bússola, que embora não seja precisa no curto prazo, nos leva com sucesso ao destino pretendido no médio e longo prazo.

Veja seleções abertas e notícias sobre desenvolvimento de carreiras no UOL Empregos. Clique aqui


Ver mensagens anteriores: 28/04/2013 a 04/05/2013 10/03/2013 a 16/03/2013 24/02/2013 a 02/03/2013 23/12/2012 a 29/12/2012 18/11/2012 a 24/11/2012 30/09/2012 a 06/10/2012 12/08/2012 a 18/08/2012 24/06/2012 a 30/06/2012 27/05/2012 a 02/06/2012 06/05/2012 a 12/05/2012 22/04/2012 a 28/04/2012 08/04/2012 a 14/04/2012 18/03/2012 a 24/03/2012 11/03/2012 a 17/03/2012 19/02/2012 a 25/02/2012 05/02/2012 a 11/02/2012 22/01/2012 a 28/01/2012 01/01/2012 a 07/01/2012 11/12/2011 a 17/12/2011 06/11/2011 a 12/11/2011 30/10/2011 a 05/11/2011 02/10/2011 a 08/10/2011 18/09/2011 a 24/09/2011 21/08/2011 a 27/08/2011 07/08/2011 a 13/08/2011 17/07/2011 a 23/07/2011 26/06/2011 a 02/07/2011 19/06/2011 a 25/06/2011 22/05/2011 a 28/05/2011 08/05/2011 a 14/05/2011 01/05/2011 a 07/05/2011 24/04/2011 a 30/04/2011 10/04/2011 a 16/04/2011 20/03/2011 a 26/03/2011 13/03/2011 a 19/03/2011 27/02/2011 a 05/03/2011 20/02/2011 a 26/02/2011 12/12/2010 a 18/12/2010 05/12/2010 a 11/12/2010 28/11/2010 a 04/12/2010 21/11/2010 a 27/11/2010 14/11/2010 a 20/11/2010 07/11/2010 a 13/11/2010 08/08/2010 a 14/08/2010 27/06/2010 a 03/07/2010 09/05/2010 a 15/05/2010 11/04/2010 a 17/04/2010 28/03/2010 a 03/04/2010 28/02/2010 a 06/03/2010 21/02/2010 a 27/02/2010 07/02/2010 a 13/02/2010 31/01/2010 a 06/02/2010 24/01/2010 a 30/01/2010 17/01/2010 a 23/01/2010 10/01/2010 a 16/01/2010 20/12/2009 a 26/12/2009 29/11/2009 a 05/12/2009 22/11/2009 a 28/11/2009 15/11/2009 a 21/11/2009 08/11/2009 a 14/11/2009 01/11/2009 a 07/11/2009 25/10/2009 a 31/10/2009 18/10/2009 a 24/10/2009 11/10/2009 a 17/10/2009 04/10/2009 a 10/10/2009 27/09/2009 a 03/10/2009 20/09/2009 a 26/09/2009 13/09/2009 a 19/09/2009 30/08/2009 a 05/09/2009 23/08/2009 a 29/08/2009 16/08/2009 a 22/08/2009 09/08/2009 a 15/08/2009 02/08/2009 a 08/08/2009 26/07/2009 a 01/08/2009 19/07/2009 a 25/07/2009 12/07/2009 a 18/07/2009 05/07/2009 a 11/07/2009 28/06/2009 a 04/07/2009 14/06/2009 a 20/06/2009 07/06/2009 a 13/06/2009 31/05/2009 a 06/06/2009 24/05/2009 a 30/05/2009 17/05/2009 a 23/05/2009 10/05/2009 a 16/05/2009 03/05/2009 a 09/05/2009 26/04/2009 a 02/05/2009 19/04/2009 a 25/04/2009 12/04/2009 a 18/04/2009 05/04/2009 a 11/04/2009 29/03/2009 a 04/04/2009 22/03/2009 a 28/03/2009 15/03/2009 a 21/03/2009 08/03/2009 a 14/03/2009 01/03/2009 a 07/03/2009 22/02/2009 a 28/02/2009 15/02/2009 a 21/02/2009 08/02/2009 a 14/02/2009 01/02/2009 a 07/02/2009 25/01/2009 a 31/01/2009 18/01/2009 a 24/01/2009 11/01/2009 a 17/01/2009 04/01/2009 a 10/01/2009 28/12/2008 a 03/01/2009 21/12/2008 a 27/12/2008 14/12/2008 a 20/12/2008 07/12/2008 a 13/12/2008 30/11/2008 a 06/12/2008 09/11/2008 a 15/11/2008

Sobre o autor

Roberto Caldeira é adm. de empresas pela Fundação Getúlio Vargas de São Paulo, com pós graduação em Novos Negócios pela Harvard Extension School. Executivo de sucesso das áreas de marketing e vendas, em empresas nacionais e multinacionais, contabiliza em 20 anos de atividade profissional no Brasil e no exterior, mais de 5.000 entrevistas a candidatos a vagas de emprego. Autor do livro "os Segredos do Entrevistador", com participação de Max Gehringer, com dicas sobre como se preparar para uma entrevista de emprego.

Sobre o blog

A experiência e a proximidade de Caldeira com candidatos, suas dúvidas, seus questionamentos e seu comportamento durante as entrevistas, estão traduzidos nesta orientação passo a passo na busca por um emprego, com inúmeras dicas e sugestões, de forma a transformar algo normalmente árduo e demorado em algo planejado, rápido e efetivo!

Busca

Histórico



UOL Blog

Acompanhe este
blog pelo Twitter


UOL Blog