27/08/2011

Estamos preparados para um feed-back do recrutador?

Recebemos um pergunta de uma internauta que segue o blog:

Estou em busca de recolocação pois não estou feliz com meu trabalho atual. Porém para os diversos anúncios a que respondo não recebo nenhum retorno, nenhum posicionamento. Não sei nem ao menos se meu currículo foi recebido. Por que isto acontece?

A internauta tem toda a razão. Diversos anúncios em sites de emprego ou mesmo em redes sociais para onde mandamos nosso currículo, em resposta a anúncios de emprego, não nos dão qualquer retorno. O máximo que acontece é recebermos uma resposta automática do servidor de e-mails nos informando que o arquivo foi recebido, e só.

Analisando pelo lado do candidato acho que este falta de retorno é no mínimo falta de educação, para não dizer falta de respeito. Talvez o excesso de currículos, talvez o excesso de afazeres levem a esta tão generalizada prática.

Todavia um entrevistador que dá retorno a um candidato que envia o seu currículo, humaniza a relação, reconhece o ser humano por tras daquele histórico profissional e se possível, ainda aponta as chances de sucesso, ou insucesso, daquele candidato para a vaga. Se bem conduzido, um simples retorno a um candidato pode ser muito pedagógico em relação a como o seu perfil anda em relação às necessidades do mercado.

Analisando pelo lado do recrutador, confesso que me pego muitas vezes aborrecido com a quantidade de currículos absolutamente sem o perfil exigido para determinada vaga. Este tipo de ocorrência é tão frequente que diversos sites de empregos criaram perguntas eliminatórias para quem pretende encaminhar um CV para uma vaga: Você tem inglês fluente? Sim ou não? Você tem experiência em determinada atividade? Sim ou não.

Neste instante muitos podem estar pensando, puxa, mas como conseguir experiência se não me dão uma chance? A resposta é simples. Começando pelo começo, de baixo, pelo nível de entrada, como a maioria de nós.

Recentemente anunciei uma vaga que exigia experiência de 4 anos em determinado segmento de mercado. Em respeito aos possíveis interessados e buscando humanizar a relação, publiquei o meu e-mail para receber diretamente os currículos. Para cada CV que recebia, fazia uma avaliação cuidadosa e, ou chamava o candidato para uma entrevista, ou informava que a experiência apresentada não estava em linha com o que era solicitado. Para minha surpresa, cerca de 30% dos candidatos que não tinham experiência para quem respondi retornaram ao e-mail em tom  indignado por não terem ao menos uma chance de apresentarem pessoalmente o seu potencial.

Neste momento é importante lembrar que o mercado é implacável e imediatista: na maioria dos casos, não existe tempo para lapidar diamantes brutos: o candidato já tem que assumir a vaga em condições de produzir.
De qualquer forma acho que todos os CVs devem ser respondidos pelos recrutadores.

E aqui fica uma alerta aos candidatos: por mais potencial que se tenha, não é recomendável contestar o retorno ou a avaliação preliminar de um recrutador. Além de não resolver a questão, pode criar um conflito desnecessário que apenas afasta ainda mais o candidato daquela empresa.


Veja seleções abertas e notícias sobre desenvolvimento de carreiras no UOL Empregos. Clique aqui

 

 


Ver mensagens anteriores: 28/04/2013 a 04/05/2013 10/03/2013 a 16/03/2013 24/02/2013 a 02/03/2013 23/12/2012 a 29/12/2012 18/11/2012 a 24/11/2012 30/09/2012 a 06/10/2012 12/08/2012 a 18/08/2012 24/06/2012 a 30/06/2012 27/05/2012 a 02/06/2012 06/05/2012 a 12/05/2012 22/04/2012 a 28/04/2012 08/04/2012 a 14/04/2012 18/03/2012 a 24/03/2012 11/03/2012 a 17/03/2012 19/02/2012 a 25/02/2012 05/02/2012 a 11/02/2012 22/01/2012 a 28/01/2012 01/01/2012 a 07/01/2012 11/12/2011 a 17/12/2011 06/11/2011 a 12/11/2011 30/10/2011 a 05/11/2011 02/10/2011 a 08/10/2011 18/09/2011 a 24/09/2011 21/08/2011 a 27/08/2011 07/08/2011 a 13/08/2011 17/07/2011 a 23/07/2011 26/06/2011 a 02/07/2011 19/06/2011 a 25/06/2011 22/05/2011 a 28/05/2011 08/05/2011 a 14/05/2011 01/05/2011 a 07/05/2011 24/04/2011 a 30/04/2011 10/04/2011 a 16/04/2011 20/03/2011 a 26/03/2011 13/03/2011 a 19/03/2011 27/02/2011 a 05/03/2011 20/02/2011 a 26/02/2011 12/12/2010 a 18/12/2010 05/12/2010 a 11/12/2010 28/11/2010 a 04/12/2010 21/11/2010 a 27/11/2010 14/11/2010 a 20/11/2010 07/11/2010 a 13/11/2010 08/08/2010 a 14/08/2010 27/06/2010 a 03/07/2010 09/05/2010 a 15/05/2010 11/04/2010 a 17/04/2010 28/03/2010 a 03/04/2010 28/02/2010 a 06/03/2010 21/02/2010 a 27/02/2010 07/02/2010 a 13/02/2010 31/01/2010 a 06/02/2010 24/01/2010 a 30/01/2010 17/01/2010 a 23/01/2010 10/01/2010 a 16/01/2010 20/12/2009 a 26/12/2009 29/11/2009 a 05/12/2009 22/11/2009 a 28/11/2009 15/11/2009 a 21/11/2009 08/11/2009 a 14/11/2009 01/11/2009 a 07/11/2009 25/10/2009 a 31/10/2009 18/10/2009 a 24/10/2009 11/10/2009 a 17/10/2009 04/10/2009 a 10/10/2009 27/09/2009 a 03/10/2009 20/09/2009 a 26/09/2009 13/09/2009 a 19/09/2009 30/08/2009 a 05/09/2009 23/08/2009 a 29/08/2009 16/08/2009 a 22/08/2009 09/08/2009 a 15/08/2009 02/08/2009 a 08/08/2009 26/07/2009 a 01/08/2009 19/07/2009 a 25/07/2009 12/07/2009 a 18/07/2009 05/07/2009 a 11/07/2009 28/06/2009 a 04/07/2009 14/06/2009 a 20/06/2009 07/06/2009 a 13/06/2009 31/05/2009 a 06/06/2009 24/05/2009 a 30/05/2009 17/05/2009 a 23/05/2009 10/05/2009 a 16/05/2009 03/05/2009 a 09/05/2009 26/04/2009 a 02/05/2009 19/04/2009 a 25/04/2009 12/04/2009 a 18/04/2009 05/04/2009 a 11/04/2009 29/03/2009 a 04/04/2009 22/03/2009 a 28/03/2009 15/03/2009 a 21/03/2009 08/03/2009 a 14/03/2009 01/03/2009 a 07/03/2009 22/02/2009 a 28/02/2009 15/02/2009 a 21/02/2009 08/02/2009 a 14/02/2009 01/02/2009 a 07/02/2009 25/01/2009 a 31/01/2009 18/01/2009 a 24/01/2009 11/01/2009 a 17/01/2009 04/01/2009 a 10/01/2009 28/12/2008 a 03/01/2009 21/12/2008 a 27/12/2008 14/12/2008 a 20/12/2008 07/12/2008 a 13/12/2008 30/11/2008 a 06/12/2008 09/11/2008 a 15/11/2008

Sobre o autor

Roberto Caldeira é adm. de empresas pela Fundação Getúlio Vargas de São Paulo, com pós graduação em Novos Negócios pela Harvard Extension School. Executivo de sucesso das áreas de marketing e vendas, em empresas nacionais e multinacionais, contabiliza em 20 anos de atividade profissional no Brasil e no exterior, mais de 5.000 entrevistas a candidatos a vagas de emprego. Autor do livro "os Segredos do Entrevistador", com participação de Max Gehringer, com dicas sobre como se preparar para uma entrevista de emprego.

Sobre o blog

A experiência e a proximidade de Caldeira com candidatos, suas dúvidas, seus questionamentos e seu comportamento durante as entrevistas, estão traduzidos nesta orientação passo a passo na busca por um emprego, com inúmeras dicas e sugestões, de forma a transformar algo normalmente árduo e demorado em algo planejado, rápido e efetivo!

Busca

Histórico



UOL Blog

Acompanhe este
blog pelo Twitter


UOL Blog