11/11/2009

Saia justa na faculdade, saia justa na vida

Todos conhecem a expressão popular “ficar numa saia justa” que significa ficar em uma situação delicada ou constrangedora, com dificuldade de ação ou reação. Pois acompanhamos nos últimos dias a questão de uma universitária paulistana que encarnou esta expressão literalmente. Ao comparecer à aula trajando um vestido curto, foi hostilizada por seus colegas de universidade e tirada as pressas do local escoltada por policiais. Para apimentar a questão a universidade decidiu expulsar a aluna e ignorar alguns arruaceiros que incitaram a balburdia. No dia seguinte a expulsão foi revogada. Como em toda discussão polêmica, de um lado os defensores da liberdade de expressão e dos direitos das mulheres defendem o direito da aluna de se vestir como quiser e de ser respeitada. Do outro os que a acusam de passar dos limites e incitar à desordem das massas. Não nos cabe aqui julgar quem está certo ou errado, mas sim falar sobre os caminhos que nos levam a nossa formação profissional. Todo profissional começa a ser formado desde cedo, com a educação que recebe inicialmente em casa e depois na escola. São experiências que dão forma ao nosso bom senso, responsabilidade, e capacidade para lidar com pressão e conflitos. Na faculdade, além obviamente da bagagem teórica, dá-se início à formação voltada ao mercado de trabalho através de estágios, projetos e reuniões em grupo, além do aprendizado sobre como e onde buscar informações e com ela criar soluções. É uma experiência pré-profissional, uma última lapidação no jovem antes de adentrar definitivamente o mercado de trabalho. E este mercado tem regras claras, exige certas formalidades e demanda certos comportamentos. O que nos preocupa no caso da universitária hostilizada é que, por qualquer ângulo que se olhe a questão, verifica-se comportamentos inadequados por parte da universitária, que deveria observar uma formalidade um pouco maior para aquele ambiente pré-profissional; de seus colegas que deveriam demonstrar maior respeito e cordialidade e até da própria universidade que deveria ter demonstrado maior tolerância. Neste momento, em que os jovens estão em formação, ainda existe uma certa tolerância para comportamentos deste tipo. Mas no mundo corporativo, onde estes jovens estarão em alguns meses, não existe qualquer tolerância para “saias justas” assim. Não nos tornamos profissionais da noite para o dia. Este é um processo que leva anos. Portanto quando está a um passo de colocar as mãos no diploma espera-se que este profissional, já praticamente formado, tenha um comportamento mais maduro. E como diz um outro ditado, não basta apenas sermos profissionais; também temos que parecer profissionais.
Veja seleções abertas e notícias sobre desenvolvimento de carreiras no UOL Empregos. Clique aqui.

 


Ver mensagens anteriores: 28/04/2013 a 04/05/2013 10/03/2013 a 16/03/2013 24/02/2013 a 02/03/2013 23/12/2012 a 29/12/2012 18/11/2012 a 24/11/2012 30/09/2012 a 06/10/2012 12/08/2012 a 18/08/2012 24/06/2012 a 30/06/2012 27/05/2012 a 02/06/2012 06/05/2012 a 12/05/2012 22/04/2012 a 28/04/2012 08/04/2012 a 14/04/2012 18/03/2012 a 24/03/2012 11/03/2012 a 17/03/2012 19/02/2012 a 25/02/2012 05/02/2012 a 11/02/2012 22/01/2012 a 28/01/2012 01/01/2012 a 07/01/2012 11/12/2011 a 17/12/2011 06/11/2011 a 12/11/2011 30/10/2011 a 05/11/2011 02/10/2011 a 08/10/2011 18/09/2011 a 24/09/2011 21/08/2011 a 27/08/2011 07/08/2011 a 13/08/2011 17/07/2011 a 23/07/2011 26/06/2011 a 02/07/2011 19/06/2011 a 25/06/2011 22/05/2011 a 28/05/2011 08/05/2011 a 14/05/2011 01/05/2011 a 07/05/2011 24/04/2011 a 30/04/2011 10/04/2011 a 16/04/2011 20/03/2011 a 26/03/2011 13/03/2011 a 19/03/2011 27/02/2011 a 05/03/2011 20/02/2011 a 26/02/2011 12/12/2010 a 18/12/2010 05/12/2010 a 11/12/2010 28/11/2010 a 04/12/2010 21/11/2010 a 27/11/2010 14/11/2010 a 20/11/2010 07/11/2010 a 13/11/2010 08/08/2010 a 14/08/2010 27/06/2010 a 03/07/2010 09/05/2010 a 15/05/2010 11/04/2010 a 17/04/2010 28/03/2010 a 03/04/2010 28/02/2010 a 06/03/2010 21/02/2010 a 27/02/2010 07/02/2010 a 13/02/2010 31/01/2010 a 06/02/2010 24/01/2010 a 30/01/2010 17/01/2010 a 23/01/2010 10/01/2010 a 16/01/2010 20/12/2009 a 26/12/2009 29/11/2009 a 05/12/2009 22/11/2009 a 28/11/2009 15/11/2009 a 21/11/2009 08/11/2009 a 14/11/2009 01/11/2009 a 07/11/2009 25/10/2009 a 31/10/2009 18/10/2009 a 24/10/2009 11/10/2009 a 17/10/2009 04/10/2009 a 10/10/2009 27/09/2009 a 03/10/2009 20/09/2009 a 26/09/2009 13/09/2009 a 19/09/2009 30/08/2009 a 05/09/2009 23/08/2009 a 29/08/2009 16/08/2009 a 22/08/2009 09/08/2009 a 15/08/2009 02/08/2009 a 08/08/2009 26/07/2009 a 01/08/2009 19/07/2009 a 25/07/2009 12/07/2009 a 18/07/2009 05/07/2009 a 11/07/2009 28/06/2009 a 04/07/2009 14/06/2009 a 20/06/2009 07/06/2009 a 13/06/2009 31/05/2009 a 06/06/2009 24/05/2009 a 30/05/2009 17/05/2009 a 23/05/2009 10/05/2009 a 16/05/2009 03/05/2009 a 09/05/2009 26/04/2009 a 02/05/2009 19/04/2009 a 25/04/2009 12/04/2009 a 18/04/2009 05/04/2009 a 11/04/2009 29/03/2009 a 04/04/2009 22/03/2009 a 28/03/2009 15/03/2009 a 21/03/2009 08/03/2009 a 14/03/2009 01/03/2009 a 07/03/2009 22/02/2009 a 28/02/2009 15/02/2009 a 21/02/2009 08/02/2009 a 14/02/2009 01/02/2009 a 07/02/2009 25/01/2009 a 31/01/2009 18/01/2009 a 24/01/2009 11/01/2009 a 17/01/2009 04/01/2009 a 10/01/2009 28/12/2008 a 03/01/2009 21/12/2008 a 27/12/2008 14/12/2008 a 20/12/2008 07/12/2008 a 13/12/2008 30/11/2008 a 06/12/2008 09/11/2008 a 15/11/2008

Sobre o autor

Roberto Caldeira é adm. de empresas pela Fundação Getúlio Vargas de São Paulo, com pós graduação em Novos Negócios pela Harvard Extension School. Executivo de sucesso das áreas de marketing e vendas, em empresas nacionais e multinacionais, contabiliza em 20 anos de atividade profissional no Brasil e no exterior, mais de 5.000 entrevistas a candidatos a vagas de emprego. Autor do livro "os Segredos do Entrevistador", com participação de Max Gehringer, com dicas sobre como se preparar para uma entrevista de emprego.

Sobre o blog

A experiência e a proximidade de Caldeira com candidatos, suas dúvidas, seus questionamentos e seu comportamento durante as entrevistas, estão traduzidos nesta orientação passo a passo na busca por um emprego, com inúmeras dicas e sugestões, de forma a transformar algo normalmente árduo e demorado em algo planejado, rápido e efetivo!

Busca

Histórico



UOL Blog

Acompanhe este
blog pelo Twitter


UOL Blog